O Rio Em Dois Tempos
in

O Rio Em Dois Tempos

 

Conhecido por explorar a mistura entre fotografia e design gráfico, o fotógrafo Marcello Cavalcanti dá asas ao imaginário afetivo dos cariocas em seu novo projeto artístico. Também autor da série Fotofragmentos, em que faz mosaicos de diferentes imagens de um mesmo lugar para formar uma paisagem singular, desta vez, ele se propõe a brincar com o tempo em seu novo projeto “Augusto Malta Revival”. Nele, Cavalcanti dá nova vida às fotografias do Rio Antigo produzidas pelo mestre inserindo às paisagens fotos atuais de sua autoria, recriando assim um contraste estético entre passado e presente em uma fotocolagem, parte PB, parte em cor.

Augusto Malta entrou para a história do Rio de Janeiro com seus trabalhos documentais que registraram um período ícone da cidade. Agora, sua obra é revisitada por Cavalcanti em imagens que revelam as conseqüências do progresso. Fã desde criança, quando comprava fotografias do ídolo em uma feirinha, ele pretende lançar este projeto nas comemorações dos 450 anos do Rio de Janeiro. “Já estou conversando com o comitê do Rio 450 e estou aguardando um retorno de um contato que fiz com a família do Malta. Vou precisar do apoio de algumas instituições que são donas do acervo dele para conseguir prestar esta homenagem à ele e à cidade neste ano”, explicou o fotógrafo.

Tudo começou quando ele resolveu criar, meio que “para ver no que ia dar”, seu perfil no Instagram onde publicaria seus estudos e divulgaria a ideia do trabalho. E deu certo. Em poucos dias, além dos likes, ganhou também atenção de jornalistas (eu me incluo neste bonde) interessados em saber mais sobre o projeto e publicar a notícia.

Perguntado sobre o que espera do amanhã, o fotógrafo  – que usou ferramentas do Google para encontrar os pontos por onde passou Malta – revela que gostaria de ver no futuro uma cidade mais baixa. “É um sentimento utópico, mas acho que o Rio está muito denso. Gostaria que os prédios diminuíssem de tamanho. Não sou 100% saudosista não. Tem muita coisa que veio para melhorar. Mas gostaria que a cidade fosse mais baixa. Tem vistas espetaculares que os prédios de mais de dez andares estragam”, concluiu o artista.

O próximo passo agora para Marcello Cavalcanti conseguir tirar esta homenagem do papel (e das redes sociais) é conseguir o aval da família de Augusto Malta e do apoio de instituições como Instituto Moreira Salles, Museu da Imagem e do Som, Light, entre outros, para ter acesso ao acervo original daquele que foi contratado pelo então prefeito Pereira Passos e diversas empresas da época para documentar a cidade e suas obras, como a demolição do Morro do Castelo, no Centro da cidade.
O Rio Em Dois Tempos

O Rio Em Dois Tempos

O Rio Em Dois Tempos

O Rio Em Dois Tempos

O Rio Em Dois Tempos

O Rio Em Dois Tempos

E você? O que espera do Rio de amanhã?

Via

O que você achou?

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Este Pai Tatuou Os Desenhos De Seu Filho No Próprio Braço Desde Os 5 Anos De Idade

Este Pai Tatuou Os Desenhos De Seu Filho No Próprio Braço Desde Os 5 Anos De Idade

Princesas Da Disney Reimaginadas Como Noivas Indianas